segunda-feira, 14 de julho de 2008

Situação


Morrer!
Vamos logo, matando um por um, vamos morrer um dia mesmo, por que não antecipar?
Venha senhor policial! Confunda-me com um bandido e mate-me, jogue fora todo esse estresse com 5 ou 6 tiros.
O que é hoje a minha vida perto de um banqueiro, político, traficante, pessoas podres dos meus pais.
Todos eles estão vivos, abusando da nossa deficiência de não lutar pelos nossos direitos.
Eu não tenho um escudo de dinheiro!
Tão banal morrer, é um estatística, uma pagina de jornal.
Mas apesar de todo este meu descaso com a morte, eu tenho medo.
Medo de não ter feito nada para mudar esta situação, de não reagir a tanta brutalidade, de não ter dado a minha cara tapa e ter lutado pela vida de alguém.
É muito fácil reclamar, julgar as pessoas, sentada em frente ao computador, protegida por uma casa aconchegante.
Sozinha eu não posso realizar o meu desejo de mudar a sociedade, porém, sozinha fico a cada minuto questionando.
Onde está aquela juventude brasileira que lutou contra a ditadura militar?
Será que hoje são esses capitalistas com 60 anos?
Por que um panelaço na Argentina consegue derrubar um presidente?
E aqui, acontecem passeatas com no máximo 100 pessoas.
PORQUE TEMOS MEDO DE LUTAR?
Já estamos numa guerra civil.
Guerreando contra os nossos defeitos, contra o nosso sangue frio!
Neste momento alguém esta morrendo de fome, ou por uma bala perdida.
Alguma criança deve estar morrendo em algum corredor da Santa Casa, pois foi atropelada por um bêbado.
E a culpa no final... É minha, é sua, é de todos nós, por termos aceitado tal situação
.


;*

20 comentários:

Jonatas Fróes disse...

Gostei do tom político e atual do seu texto, você escreve muito bem!

Bom, sobre o texto: tá dureza esse monte de policial matando a torto e direito na rua mesmo. Concordo. Dois casos em tão pouco tempo, sem motivos aparentes...

infox comp disse...

De certo a culpa é toda nossa!

Afinal é comum ouvir que um ou outro tomou tiro, morreu baleado, assalto, estrupos...

O Brasil se calou diante de tudo isso e acha que agora tudo isso faz parte de sua vida!

Não! Não faz! E é isso que temos que lutar. Contra isso!!!


Pelo post!

www.infoxcomp.blogspot.com

visita lá depois

*Brisa disse...

Adoei o blog e os textos!!3

Vou passar mais vezes!
Estou te colocando nosmeus favoritos ok!?


www.ideias-loucas.blogspot.com

=**

Pedro Junior disse...

Adorei a abordagem, a respeito dos policias, coisa terrivel heim...
falta de treinamento sei lá a questão do psicologico deve esta bem abalado tmbm
enfim... ótimo texto
t+
abraços

Capreta disse...

Jovens na rua fazendo passeata? Que isso, você acha que vamos perder tempo indo para as ruas e deixar de ficar aqui mexendo no orkut e papeando no MSN?
Uma criança a mais morta com um tiro na cabeça não faz diferença, morre gente o tempo todo não é mesmo?! Opa, pera ae; acabei de receber um escrepe! =/

Abraço
http://capreta.blogspot.com

Jhony disse...

O povo brasileiro é muito acomodado!
Não procuram seus direitos por medo de perder o emprego?
Por medo de expor suas idéias, se é que eles tem idéias.
E os brasileiros num gostam de Argentinos, mas se vcs prestarem atenção, eles são todos organizados, patriotas, e lutam pelos seus direitos e tem muita raça!

se quiser, me visite:

http://jhonyfreitas.wordpress.com

Lara Sousa disse...

Eu sou uma pessoa que não gosta de ficar coisas, eu sempre luto pelos meus direitos, eu sempre qnd sei q tenho razão eu pago pra ver, mas acho qeu em uma situação onde minha vida tivesse em jogo, eu não chegaria a tal ponto.

beeijotimopost

♥тєcα♥ disse...

Ah flor acho que mesmo se fossemos protestar por tanta violencia nºão faria diferença hoje morre um amanhã 2 e assim por diante e ninguém se importa pelo que falamos ou pensamos,infelizmente essa é a realdade!

Adriana Lima disse...

Por enquanto, o melhor texto sobre a tal situação corrente nesse país, que li nesse ano. Não que seja bom essa minha afirmação, pois eu queria mesmo era ver o que tem de bom nesse país. Pena que a "sujeira de sangue inocente" está falando mais alto. E mais uma criança está morrendo enquanto eu estou aqui comentando. Mas em que ano estamos mesmo? Ah, ano de eleição! Então melhor que passeata é votar consciente.

ps: Gostei do seu espaço. Modesto mas bem confortável. E gostei também do seu comentário no meu blog. Pelo que vi, só você entendeu o que eu quis mostrar a crônica. =))
Beijos

Adriana Lima
http://digaoquequiser.blogspot.com

Ricardo Thadeu disse...

Concordo. Esta cada vez mais difícil encontar
em nós um pouco daqueles estudantes que um dia lutaram contra a ditadura. Esses estudantes morreram. No lugar deles estam agora safados gordos e engravatados.

Muito bom o texto.

1 abraço.

Robson Delgado disse...

É, percebemos o comodismo e a futilidade dos brasileiros e qté mesmo de alguns que aqui postaram. Pessoas descaracterizadas de ética, respeito e responsabilidades, preocupadas com seu próprio ego!

Pessoas que não respeitam o ambiente e acabam não se respeitando! Falta reflexão e cultura!

caioarroyo disse...

Primeria vez qeu vejo alguem escrevendo sobre essas situação de forma tão interessante. Essa situação chegou nesse ponto, muito por nossa culpa e agora nao adianta ficar colocando a culpa tanto nos outros

Espero sua visita
http://tvcinemaemusica.wordpress.com

Arnaldo Reis Trindade disse...

Gostei do texto,algo atual, um desabafo, porém melancolico demais e ao mesmo tempo frio, pois sabemos que hoje pessoas que estão em frente a computadores mandando mensagens ou algo do tipo acabam salvando muitas vidas e até colocando pessoas na cadeia, pessoas que merecem ser presas.

Pense nisso,no mais, adorei teu blog e teu jeito de escrever.

Beijo

Fernando Gomes disse...

sobre FF..

skin and bones eu também achei ótimo, reviveu muitos bons momentos da banda..

no geral eu gostei do novo álbum, mas a 'comercialidade' dele não me agradou muito.

obrigado pela visita e volte sempre


______________________________
Todo dia tem post novo e
hoje tem notícias de televisão em:
http://www.andisaidgoddamn.blogspot.com/

Keloane M. ~ disse...

como dizia lulu santos, 'assim caminha a humanidade', hoje em dia parece que todos realmente morreram por dentro, ninguém se preocupa com ninguém, e acham que está bom assim.
beijos :*


http://www.afilhaunica.vai.la/

manuel_martins disse...

Falou bem, morrer virou estatística e pág no jornal.
O Arnaldo jabor tem uma crônica sobre esses jovens de hoje, que não lutam pela pátria. Mas não se refere a eles com uma crítica, acredita que o Jovem de hoje, acredita em mudar o seu cotidiano, não a sociedade em massa.
Se refere justamente aos que não tem força para mudar a sociedade sozinho, tipo aqueles que escreve e comentam textos políticos. Acha isso bom e melhor do que nada.
Eu acredito no que ouvi esses dias de quem eu menos esperava, hoje a gente luta pelo nosso planeta, essa luta pela pátria já era.
Escreve bem hein Thaísshhh!!!

Natyy disse...

Nossa, gostei do texto demais.
É engraçado, a gente vê esse tipo de atrocidade no noticiário direto, a gente fala, critica, mas no fim nao faz nada pra mudar. :/
É esse o mundo em que vivemos e é por isso que estamos como estamos.

Obrigada pelo comentário no Espaço Livre, volte sempre que quiser! ^^

;**

o café acabou disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
o café acabou disse...

logo quando vi a foto comecei a cantarolar a música REVOLUTION dos Beatles *-*

pode até ser culpa nossa, mas não está direcionada para NÓS, no caso, eu e vc e mais um monte de gente que faz a sua parte por ai.

hj em dia existe muita rivalidade entre as pessoas e isso de fato não é nada bom!

ótimo texto thais :D


qualquer coisa, comente em:
http://cafelimao.wordpress.com

Ranyelle Andrade disse...

adorei o post!
muito bem escrito, muito bem direcionado. poxa thaís.. parabéns...

a culpa de fato é toda nossa, mas vale lembrar que ainda somos o lado fraco da corda. A melhor arma pra lidar com tal situação é a escolha. começando pela escolha política.

beijinhos...

viciosvirtudesevertigens.blogspot.com